Indústria

Projeto incentiva loja de derivados do cacau no Sul da Bahia

Espaço aberto no Bataclan, em Ilhéus, visa fortalecer a verticalização da economia cacaueira e tornar nacionalmente conhecido o chocolate gourmet regional

Ilhéus - O local escolhido é um dos símbolos da riqueza e da história do cacau. Imortalizado pelo escritor Jorge Amado, o Bataclan abrigou, no início do século passado, os coronéis que buscavam diversão ao retornar das fazendas para vender cacau na cidade. Nas últimas décadas, o espaço revitalizado passou a relembrar essa história, a riqueza da cultura da Bahia e a sofisticação de uma gastronomia de alto padrão que atrai turistas do mundo inteiro. Agora, a trajetória da lavoura do cacau ganha um novo ingrediente no prédio histórico e cultural mais visitado da cidade: a Chocolat, que será inaugurada nesta quarta-feira, 20, às 19 horas.

A ideia de loja com um mix de marcas de alto padrão de qualidade em um ambiente repleto de informações sobre chocolate, e mais uma grande variedade de derivados do cacau, como cervejas de chocolate, vinho de cacau, geleias e também souvenires relacionados ao tema, partiu do empresário Marco Lessa, que é um dos integrantes do Projeto Indústria Setorial Ilhéus - Derivados de Cacau e Chocolate.

Sócio de uma marca de chocolates finos, a Chor, ele percebeu que nos últimos anos cresceu significativamente o número de produtores que resolveram investir na verticalização do cacau, ou seja, em vez de vender as amêndoas, transformá-las em chocolate puro melhorando a renda com a produção. “Pensei na criação de um espaço democrático, com a presença de múltiplas marcas nas prateleiras, como uma estratégia de fortalecimento do projeto, independentemente da marca”, revela.

Com o Projeto, Sebrae contribui com a organização e o fortalecimento do grupo de produtores, estimula o mercado, coordenando participação em eventos e rodada de negócios, desenvolve estratégias de marketing e valoriza layout e embalagens, através de ferramentas como o Sebraetec. “Esse empreendimento é importante porque consolida a agregação de valor para a sustentabilidade dos negócios”, destaca a gerente regional do Sebrae, Claudiana Figueiredo, sobre a loja, que, em abril, fará vendas online.

Agência Sebrae de Notícias Bahia
(71) 3320-4558 / 3042-3880 / 99222-1612 / 98263-0835
Central de Relacionamento Sebrae: 0800 570 0800
www.ba.agenciasebrae.com.br
www.twitter.com/sebraebahia
www.facebook.com/sebraebahia

Tags: Cacau, Empreendedorismo, indústria