Empreendedorismo feminino

Empreendedoras participam de Bootcamp do Desafio Salvador Resiliente - Mulheres e Tecnologia

Os 10 projetos selecionados concorreram entre os 50 empreendimentos inscritos no Edital

Três projetos receberão US$ 8 mil para investir na implementação.Os 10 projetos selecionados do Desafio Salvador Resiliente – Mulheres e tecnologia, participaram, entre os dias 14 e 16 de outubro, no Espaço Colabore, do Bootcamp, um programa de ensino imersivo que foca nas habilidades necessárias para o desenvolvimento de negócios. As empreendedoras foram as vencedoras entre os 50 projetos inscritos na iniciativa, promovida pelo Sebrae, através do Sebrae Delas; Prefeitura de Salvador, por meio da Secretaria Municipal de Sustentabilidade, Inovação e Resiliência (SECIS); BidLab; Fundación Avina e Global Resilient Cities.

De acordo com a representante do Sebrae Delas, Mariana Cruz, a parceria objetivou incentivar o empreendedorismo feminino de impacto social na capital baiana. “Buscamos fortalecer o protagonismo feminino na oferta de soluções para a sociedade, focadas nos ODS [Objetivos do Desenvolvimento Sustentável]”, afirma.

A gerente de Resiliência da SECIS, Daniela Guarieiro, ressalta que outros cinco editais já foram realizados junto com outras instituições no programa Cidade Inovadora, mas que este é o primeiro focado em mulheres empreendedoras. “As mulheres têm um poder de impacto multiplicador e tende a compartilhar com a comunidade. Elas fortalecem toda uma rede e têm um poder de impacto maior”, complementa.

Para Karine dos Santos Oliveira, uma das empreendedoras que tiveram o projeto selecionado pelo edital, o destaque foi para a diversidade de mulheres participantes.

“Esse edital foi muito pioneiro por focalizar mulheres e tecnologia. Acho que, aqui em Salvador, este foi o primeiro com foco em gênero, em uma questão, que é a tecnologia. Outra coisa muito legal foi a diversidade que teve. Fiquei muito feliz em participar, por ter uma paridade de raça e isso é muito importante, e também ter mulheres trans e travestis com suas iniciativas e projetos. A gente consegue compreender que nós, como empresárias, já temos feito muita coisa diferente na cidade e precisam, agora, dar voz e deixar que a gente se mostre para entender que mulher sabe muito mais coisas do que a estrutura diz”, afirma.

Ao final do evento, as empreendedoras apresentaram o pitch dos seus projetos. Todas as iniciativas estão concorrendo a um investimento de US$ 8 mil para investir em seus negócios. Serão três selecionadas e o resultado vai ser anunciado no dia 23 de outubro, em um evento online, no qual terá, novamente, a oportunidade de apresentar seus negócios para uma banca de jurados.

Negócios participantes (clique no link para conhecer cada iniciativa):

Brasil Aprender

Business Round

Chama pra dançar

EcoCiclo

Humma +

Mercado da Cidade

Mulheres negras em movimento

Plataforma Guia Musa

Wakanda - Acelerando seu corre!

Wheel

Para mais informações e conteúdos, siga o perfil @sebraebahia nas redes sociais: Instagram, Facebook, Twitter, Youtube, Linkedin, e faça parte do canal no Telegram, que pode ser acessado pelo link t.me/sebraebahia.

Agência Sebrae de Notícias Bahia
(71) 3320-4557 /4558
Central de Relacionamento Sebrae: 0800 570 0800
www.ba.agenciasebrae.com.br
www.twitter.com/sebraebahia
www.facebook.com/sebraebahia